Aparelho convencional: o que é e quais suas alternativas

O aparelho fixo convencional é um dos modelos de aparelho mais utilizados em tratamentos odontológicos da atualidade.

Atualmente é bastante comum conhecer pessoas que o utilizam, mas você sabe como ele funciona e para que ele serve?

Confira abaixo:

O que é aparelho convencional?

Os dentes desalinhados é um motivo que leva muitas pessoas a buscarem por tratamentos odontológicos para corrigir esse problema.

E esse tratamento geralmente é feito utilizando o aparelho convencional, mas o que seria o aparelho fixo convencional?

O aparelho fixo convencional costuma ser o primeiro que pensamos ao lembrarmos de aparelhos ortodônticos.

Aquele que possui os braquetes, o fio ortodôntico e as borrachinhas que oferecem ao paciente a oportunidade de escolher suas cores, e que assim como o autoligado possui versões estéticas.

Cada uma das peças que compõem o aparelho convencional possui uma função única a desempenhar no alinhamento dentário. Portanto, conheça cada uma delas e suas funções:

  • Braquetes, os braquetes de aparelho são as peças que ficam coladas nos dentes e são responsáveis por servir como um suporte para o fio ortodôntico e para as borrachinhas;
  • Fio ortodôntico, é o fio que fica atravessado transversalmente sobre os dentes encaixados nos braquetes.

Eles são responsáveis por realizar a força necessária para corrigir o alinhamento dos dentes;

  • Borrachinhas, as borrachinhas são a marca registrada do aparelho convencional, visto que ao pensarmos nele, elas são a primeira coisa que surge na mente.

Elas são responsáveis por prender o fio ortodôntico aos braquetes, e dessa forma permite que ele exerça sua função de realizar as movimentações ortodônticas da maneira correta.

Desse modo, é possível perceber que todas essas peças são interdependentes e necessitam umas das outras para conseguirem exercer sua função da maneira correta.

Qual a diferença entre o aparelho autoligado e convencional?

Assim como visto anteriormente, o aparelho convencional é aquele que possui braquetes, fio ortodôntico e borrachinhas, ou seja, o mais comum de encontrarmos.

Já o aparelho autoligado, diferentemente do convencional, não utiliza borrachinhas, porém, para não fazer o uso delas, ele conta com braquetes mais avançados que conseguem permitir que o aparelho não necessite fazer o uso delas.

Isso ocorre devido ao fato de o braquete do aparelho autoligado conseguir manter o fio ortodôntico no lugar por si só.

O fato de ele não utilizar borrachinhas também contribui para manutenções menos dolorosas, pois o braquete autoligado gera menos atrito que a borrachinha.

Ele também faz com que o paciente necessite realizar menos idas ao consultório para realizar as manutenções, pois diferentemente do convencional, ele não possui borrachinhas que com o passar do tempo vão perder sua elasticidade e necessitar de trocas.

Portanto, o aparelho autoligado é uma alternativa mais avançada que o aparelho convencional.

aparelho fixo convencional

Como colocar o aparelho fixo convencional?

O aparelho convencional é utilizado em casos onde o paciente possui os dentes desalinhados e deseja corrigi-los.

Portanto, para utilizá-lo, o paciente deve querer corrigir seus dentes desalinhados e procurar um dentista para iniciar o tratamento.

Sendo assim, caso o dentista veja a necessidade, ele iniciará o processo de instalação do aparelho convencional, que consiste na colagem dos braquetes nos dentes e na espera de algum tempo para que a cola fixe o braquete nos dentes,

Logo após finalizada sua fixação, o dentista realiza a passagem do fio ortodôntico e ao final o prende aos braquetes através das borrachinhas.

Dessa maneira, após colocá-lo o paciente deve retornar ao dentista para realizar as manutenções mensais, e são essas visitas que possibilitam ele a realizar qualquer tipo de ajuste e a troca das borrachinhas.

Tipos de aparelho convencional

O aparelho convencional possui algumas alternativas estéticas que são responsáveis por oferecer ao paciente um tratamento mais discreto.

Sendo assim, quando o paciente necessita de utilizar um aparelho convencional, ele possui a escolha de poder optar entre o metálico ou suas opções estéticas.

Em suma, o aparelho ortodôntico convencional oferece ao paciente a possibilidade de optar por sua versão metálica ou pelas estéticas.

Sendo assim confira abaixo as características de cada um:

Aparelho metálico

Essa é a opção tradicional do aparelho convencional, que possui as peças metálicas e oferece ao paciente a possibilidade de escolher a cor das borrachinhas. O aparelho metálico também é a opção mais barata dentre as possíveis alternativas desse aparelho.

Ele possui toda a resistência e durabilidade proporcionada pelo metal, porém suas peças metálicas são as que proporcionam a aparência menos discreta.

Isso se deve ao fato de a cor do metal gerar um contraste muito grande com os dentes, o que acaba tornando ele uma opção inviável para os que buscam um tratamento mais discreto.

Aparelho de resina

A resina é um material bastante utilizado na odontologia que oferece uma boa estética, e também um bom preço.

Sendo assim, com ele o paciente consegue uma boa alternativa de tratamento estético por um ótimo preço.

Porém, esse preço baixo possui pontos negativos que são a baixa resistência ao amarelamento e a baixa durabilidade.

Portanto, mesmo que possua uma boa estética, ela não é mantida por muito tempo. Isso se deve ao fato de ele ser um material extremamente poroso, o que contribui para o acúmulo de partículas, e, consequentemente, promove o amarelamento do aparelho.

Aparelho de porcelana

A porcelana é um material altamente conhecido e utilizado na odontologia, e isso se deve ao fato de ela possuir uma alta capacidade de reproduzir as características dos dentes naturais.

Sendo assim, o aparelho de cerâmica possui uma ótima estética, de modo que ele consiga se assemelhar ao dente original e se camuflar entre os dentes.

Além disso, ela também conta com uma ótima resistência física e ao amarelamento, o que a torna uma das melhores opções quando se busca uma boa estética e resistência.

Porém, a fim de torná-lo uma opção ainda mais esteticamente agradável, ele utiliza borrachinhas de tonalidades mais claras.

Isso acaba gerando no paciente a necessidade de controlar a ingestão de alimentos pigmentados, visto que mesmo que o aparelho em si não fique amarelado, as borrachinhas ainda correm esse risco.

Aparelho de safira

Assim como a porcelana, a safira também apresenta uma ótima estética, fato que se deve a sua tonalidade translúcida, o que faz com que ela se camufle entre os dentes permitindo.

Ela também possui uma alta resistência ao amarelamento e física, porém as borrachinhas claras não, então o paciente deve atentar-se ao consumo de alimentos pigmentados.

Sendo assim, o aparelho de safira e o de porcelana são as melhores opções quando o objetivo é estética e resistência, porém também são as opções mais caras.

Desse modo, a decisão entre qual escolher cabe ao paciente, visto que ambas serão capazes de garantir a ele um tratamento discreto.

Visitas regulares ao dentista

As visitas regulares ao dentista são responsáveis por oferecer ao paciente a possibilidade de realizar as manutenções periódicas em seu aparelho convencional.

Por meio delas também é possível realizar a profilaxia, que é a limpeza profissional dos dentes e também é responsável por realizar a raspagem de tártaro.

Além disso, elas também servem para que o dentista possa orientar o paciente a respeito de bons hábitos de higiene bucal.

Essas visitas para efetuar a profilaxia devem ser realizadas 2 vezes ao ano, ou seja, num intervalo de 6 em 6 meses.

Elas também permitem que o dentista possa identificar a existência de qualquer tipo de complicação relacionada à saúde bucal e tratá-la logo em seu início.

Dessa maneira, o paciente pode resolver esses problemas o quanto antes, evitando que eles se tornem complicações mais severas e dificultem seu tratamento.

Portanto, o plano odontológico DentalVidas tem diversas opções para garantir mais qualidade de vida e um sorriso mais bonito para você e sua família.

Gostou do texto? Tem alguma dúvida? Deixe aqui nos comentários!

Aparelho convencional: o que é e quais suas alternativas publicado primeiro em http://dentalvidas.com.br/

Deixe um comentário