Bichectomia envelhece? Conheça a transformação deste procedimento

A bichectomia é um procedimento que se popularizou bastante nos últimos tempos com sua promessa de oferecer um rosto mais definido ao paciente.

Porém, devido algumas vezes, alguns pacientes podem ter resultados indesejados acabam surgindo alguns boatos a respeito do procedimento.

Sendo assim, confira mais a respeito desse tratamento e descubra de a bichectomia envelhece:

O que é bichectomia?

A bichectomia é um procedimento cirúrgico realizado por um cirurgião dentista que possui o objetivo de reduzir o tamanho das bochechas do paciente, promovendo um rosto mais definido.

O procedimento consiste na retirada das bolas Bichat que são estruturas constituídas de tecido adiposo e são responsáveis por conferir um formato arredondado ao rosto.

Sendo assim, após a remoção dessa estrutura, seja total ou parcialmente, há um afinamento do rosto que o deixa com uma aparência mais definida.

O que são e para que servem as bolas de Bichat?

As bolas de Bichat são estruturas compostas de tecido adiposo, ou seja, são pequenas bolas de gordura que ficam localizadas na parte interna das bochechas.

No início da vida, elas possuem a função de auxiliar o bebê no processo de amamentação, visto que ela contribui para o bebê sugar o leite dos seios da mãe.

Porém, após a fase lactante, essa estrutura perde sua função de auxiliar no processo de sucção e passa a possuir a função de conferir ao rosto um formato mais arredondado.

Além disso, mesmo sendo constituídas de tecido adiposo, as bolas de Bichat não diminuem mesmo com o emagrecimento do paciente.

Sendo assim, mesmo que ele perca bastante peso, as bolas de Bichat irão manter o seu tamanho. Portanto, quando o paciente possui essas estruturas um pouco maior, ela pode acabar causando um desconforto estético ao paciente, o que o leva a querer removê-la.

De onde surgiu o boato que a bichectomia envelhece

De onde surgiu o boato que a bichectomia envelhece?

O rosto humano é formado por várias estruturas compostas de tecido gorduroso, assim como as bolas de Bichat e o papel delas é sustentar as estruturas da face.

Essas estruturas gordurosas também promovem um formato mais arredondado para o rosto, deixando as maçãs do rosto mais salientes e conferindo uma aparência mais jovem.

Próximo à terceira idade, essas estruturas gordurosas começam a ceder, além disso, há também uma queda na produção de colágeno, comprometendo a sustentação dos tecidos.

Esse é um processo natural, portanto, com o passar do tempo é normal que o rosto adquira uma aparência mais envelhecida e magra.

Portanto, daí surgiu o boato de que a bichectomia envelhece, ou seja, justamente por acreditarem que a gordura serve como forma de sustentação para a pele e músculos faciais.

Desse modo, isso leva muitas pessoas a acreditarem que a bichectomia envelhece ou acelera o processo de envelhecimento natural.

Como é o processo de envelhecimento facial?

O envelhecimento da pele pode ser caracterizado de duas maneiras, que são o envelhecimento intrínseco e o extrínseco.

O envelhecimento intrínseco é o que também acontece com os órgãos e acontece devido ao avanço da idade. Sendo assim, ele se trata de um modo de envelhecimento gradual.

Já o envelhecimento extrínseco consiste no envelhecimento causado pela radiação ultravioleta, stress e outros fatores externos.

Geralmente ele é mais agressivo à pele e é responsável pelas rugas, engrossamento da pele, manchas e até mesmo o câncer de pele.

Logo, o envelhecimento da fase está ligado à redução do colágeno e desgaste das fibras existentes. Desse modo, isso acaba resultando no aumento da flacidez facial e do pescoço.

mas afinal, a bichectomia envelhece ou não

Mas afinal, a bichectomia envelhece ou não?

Atualmente existem alguns profissionais que defendem que a bichectomia envelhece o paciente mais rápido.

Porém, essa é uma opinião bastante controversa visto que assim como há alguns profissionais que dizem que ela envelhece, existem outros que dizem o contrário.

Os especialistas que afirmam que a bichectomia envelhece defendem que a bola de Bichat é uma estrutura importante e que sua remoção pode sim contribuir para a flacidez da pele e por fim um envelhecimento precoce.

Já os que defendem que o procedimento não causa o envelhecimento precoce, dizem que por ser uma estrutura que se encontra em uma camada profunda da face e desse modo ela não influencia em nada o processo de flacidez do envelhecimento.

Sendo assim, não há uma opinião definida sobre esse procedimento para dizer se a bichectomia envelhece ou não.

Quem deve fazer a bichectomia?

Pelo fato de muitos considerarem que a bichectomia é um procedimento puramente estético, muitas vezes esquecem que ela possui sim uma indicação funcional.

Desse modo, a principal recomendação para se realizar a bichectomia é quando o paciente morde de modo involuntário a parte interior das bochechas e com isso acaba ferindo a parte interna de suas bochechas.

Além disso, ela também pode ser realizada quando compromete a estética facial de modo que o paciente possua o rosto muito arredondado. Esse procedimento também requer que o paciente seja maior de idade para realizá-lo.

Qual profissional realiza a bichectomia?

A bichectomia pode ser realizada tanto por um cirurgião dentista quanto por um cirurgião plástico, porém é recomendado que ela seja realizada por um cirurgião dentista. Isso se deve ao fato de ser um procedimento realizado dentro da boca.

Quando essa cirurgia é realizada por um profissional da odontologia, ela é feita dentro do consultório utilizando uma anestesia local.

Visitas regulares ao dentista

As visitas regulares ao dentista garantem que o paciente possa tirar todas as dúvidas com o profissional a respeito do procedimento.

Por meio delas, o paciente também consegue relatar qualquer tipo de sintoma anormal que ele esteja sentindo, e assim o dentista consegue iniciar o processo de avaliação para identificar os problemas.

Ele também consegue garantir que o tratamento de problemas como o tártaro e a cárie, sejam tratados logo em seu início, evitando que se tornem complicações severas.

Além disso, por meio delas também é possível efetuar a profilaxia, que é limpeza profissional dos dentes e deve ser feita de 6 em 6 meses para a manutenção da higiene dos dentes.

Portanto, o plano odontológico DentalVidas tem diversas opções para garantir mais qualidade de vida e um sorriso mais bonito para você e sua família.

Gostou do texto? Tem alguma dúvida? Deixe aqui nos comentários!

FAÇA SUA AVALIAÇÃO GRATUITA

Bichectomia envelhece? Conheça a transformação deste procedimento publicado primeiro em http://dentalvidas.com.br/

Deixe um comentário