Bola de bichat: o que é e quando é recomendado removê-la

A bola de Bichat é um pequeno acúmulo de gordura na face que possui uma forma de pirâmide e seu tamanho muda de acordo com a idade. Dessa forma, nas crianças elas são maiores do que nos adultos.

Para saber mais a respeito da bola de Bichat continue acompanhando o artigo abaixo:

O que é bola de Bichat?

A bola de Bichat recebeu este nome por ter sido descoberta pelo anatomista francês chamado Marie François Xavier Bichat e por conta disso ela acabou recebendo o nome em homenagem à ele.

Essa estrutura é um tecido gorduroso que se encontra na região das bochechas, possui o formato piramidal e seu tamanho varia de acordo com a idade do paciente.

Sua localização faz com que ela apresente uma relação íntima com elementos da face como: ramos terminais do nervo facial, ducto parotídeo e vasos sanguíneos.

Algumas pessoas podem ficar incomodadas com a bola de Bichat pelo fato de ela conferir ao rosto um formato arredondado. Desse modo, esses indivíduos que se sentem incomodados com ela procuram pela cirurgia para realizar sua remoção.

Para que serve a bola de Bichat?

A função da bola de Bichat é pouco conhecida, porém julga-se que ela possua uma função específica somente durante a idade que corresponde à fase de de amamentação.

Dessa maneira, essa estrutura possui a função de auxiliar o processo de sucção necessário durante a amamentação.

Sendo assim, após essa idade, ela perde sua função e passa a servir apenas como uma estrutura que confere um formato mais arredondado ao rosto.

Portanto, devido ao fato de que após a infância ela deixa de possuir uma função prática, o paciente pode optar por realizar uma cirurgia para removê-la.

Qual o nome da cirurgia para remover a bola de Bichat?

A cirurgia realizada para remover as bolas de Bichat se chama bichectomia e é um procedimento cirúrgico estético que tem como objetivo deixar o rosto menos volumoso e mais fino.

O procedimento é bastante simples e rápido e é feito com o uso de uma anestesia local, além disso, ele não deixa nenhuma cicatriz à mostra visto que todos os cortes são feitos no interior da bochecha.

É comum que o rosto fique inchado após a cirurgia, porém esse inchaço pode ser aliviado ao aplicar-se bolsas geladas no local para ajudar a reduzir o inchaço e o desconforto.

bola de bichat quando devo removê-las

Quando devo removê-las?

Atualmente, grande parte das vezes em que o procedimento para removê-las é realizado é com objetivo puramente estético.

Isso fez com que grande parte das pessoas passassem a considerar que esse procedimento fosse considerado puramente estético.

Porém, apesar de que esse procedimento possa ser realizado de modo puramente estético, algumas vezes ele também é feito devido a motivos funcionais.

Os motivos responsáveis pelas indicações funcionais desse procedimento são os casos onde a pessoa possui uma aumento nas bolas de Bichat ou constantemente mordem involuntariamente a parte interna das bochechas.

As mordidas involuntárias constantes na parte interior da bochecha podem causar aftas, feridas na boca e sangramentos.

Além disso, não há uma idade certa para realizar o procedimento, porém é recomendado que seja feito a partir dos 18 anos de idade, visto que a partir dessa idade o rosto já tomou seu formato definitivo.

Quando não se deve remover a bola de Bichat?

Antes de realizar esse procedimento é importante atentar-se às suas contra indicações, visto que elas podem impedir a realização do procedimento.

Dessa maneira, caso você possua a maçã do rosto elevada, esse procedimento não deve ser visto como uma solução visto que ele deixará essa região ainda mais evidente.

Portanto, é importante que o paciente realize uma avaliação com um profissional para avaliar os riscos de se fazer a cirurgia.

Além disso, caso o paciente já tenha passado ou vá passar por procedimentos de quimio e radioterapia, sofrem com alguma infecção que afete o local.

Pacientes que sofrem de trismo ou apresentam algum problema no coração também não devem realizar esse procedimento. 

Como a bichectomia é feita?

A bichectomia é um procedimento cirúrgico que pode ser realizado pelo próprio cirurgião dentista ou por um médico cirurgião plástico.

Ela é um procedimento simples que pode ser realizado no próprio consultório e é feita sob o efeito de uma anestesia local.

Para realizar a cirurgia é feita uma pequena incisão no interior da bochecha por onde o profissional consegue remover todo o excesso de gordura acumulado nessa região.

Logo após a remoção da gordura, fecha-se o local finalizando a cirurgia. O fechamento da incisão é feito a partir de pontos dados no interior da bochecha que permanecem lá por mais ou menos 1 semana.

Além disso, após os pontos serem absorvidos é comum que o rosto continue inchado por um período maior de tempo.

Sendo assim, mesmo que a cicatrização ocorra naturalmente, ainda existem alguns cuidados que podem acelerar o processo de recuperação.

Possíveis complicações da bichectomia

Apesar de a bichectomia ser um procedimento cirúrgico simples e de baixo risco, ela pode sim ter algumas complicações como qualquer outro procedimento. Essas complicações podem ser:

Infecção: que é um risco existem em qualquer outra cirurgia devido a necessidade de realizar a incisão, o que pode acabar contribuindo para a entrada de microorganismos.

Portanto, para evitar complicações geradas pelas infecções, é indicado o uso de antibióticos antes e após a cirurgia;

Paralisia facial temporária ou definitiva: essa condição pode ocorrer caso aconteça algum algum dano acidental a algum nervo da face;

Redução da produção de saliva: normalmente essa complicação é mais comum de ocorrer em cirurgias mais complicadas. Ela ocorre devido a lesões acidentais nos canais salivares que podem acontecer durante o procedimento.

Portanto, para reduzir os riscos é recomendado que essa cirurgia seja executada apenas por profissionais capacitados. Além disso, é recomendado que seja removido apenas o excesso de gorduras da bola de Bichat.

Quais cuidados devo ter após remover a bola de Bichat?

A recuperação da cirurgia para remover a bola de Bichat costuma durar por volta de 1 mês e pode ser um pouco dolorosa.

Porém, para acelerar a recuperação e torná-la mais fácil existem alguns cuidados que podem ser tomados. Esses cuidados normalmente são:

  • Utilizar medicamentos anti-inflamatórios para reduzir a inflamação e o inchaço;
  • Utilizar analgésicos para reduzir as dores pós-procedimento;
  • Colocar compressas frias sobre a bochecha algumas vezes ao dia por uma semana para ajudar a reduzir o inchaço;
  • Elevar a altura da cabeça para dormir até que desapareça o inchaço na região do rosto;
  • Fazer uma dieta composta por alimentos pastosos e frios nos primeiros dias para evitar a abertura dos pontos.

Apesar de tudo, é possível retomar as atividades cotidianas no dia logo após a cirurgia. Porém deve-se evitar a exposição solar prolongada e esforços físicos severos.

Visitas regulares ao dentista

As visitas regulares ao dentista são importantes para realizar a avaliação a respeito da viabilidade de se remover a bola de Bichat.

Por meio delas, o paciente também consegue relatar qualquer tipo de sintoma anormal que ele esteja sentindo, e assim o dentista consegue iniciar o processo de avaliação para identificar os problemas.

Ele também consegue garantir que o tratamento de problemas como o tártaro e a cárie, sejam tratados logo em seu início, evitando que se tornem complicações severas.

Além disso, por meio delas também é possível efetuar a profilaxia, que é limpeza profissional dos dentes e deve ser feita de 6 em 6 meses para a manutenção da higiene dos dentes.

Portanto, o plano odontológico DentalVidas tem diversas opções para garantir mais qualidade de vida e um sorriso mais bonito para você e sua família.

Gostou do texto? Tem alguma dúvida? Deixe aqui nos comentários!

FAÇA SUA AVALIAÇÃO GRATUITA

Bola de bichat: o que é e quando é recomendado removê-la publicado primeiro em http://dentalvidas.com.br/

Deixe um comentário