Gengiva branca: conheça as principais causas e como tratar

A gengiva branca é um sintoma de determinadas complicações, desse modo, é importante ficar atento à coloração de sua gengiva, pois ela pode refletir o estado da saúde dela.

Dessa maneira, quando há alguma complicação afetando a gengiva, ela pode assumir determinadas cores de acordo com a condição que está a afetando.

A coloração natural das gengivas é um tom meio rosa claro ou coral, e, em alguns casos, pode apresentar locais mais claros devido à espessura.

Sendo assim, a gengiva branca não é uma situação comum, portanto, confira mais a respeito da gengiva branca neste artigo:

Gengiva branca, o que pode ser?

A gengiva branca é um sintoma de algumas condições, portanto, é importante conhecer as principais causas dela para saber o que pode estar afetando sua saúde bucal.

Porém, é importante lembrar que somente um profissional pode fazer a avaliação devida, portanto, apenas ele é capaz de identificar com certeza qual condição está afetando o paciente.

Desse modo, confira as principais causas da gengiva branca:

Leucoplasia

A leucoplasia oral é um problema em que surgem algumas placas brancas na língua, bochechas ou nas gengivas, o que pode acabar deixando a língua, bochecha ou gengiva branca.

Elas acontecem devido ao enrijecimento da camada superficial de queratina, desse modo, elas não causam dor nem nenhum outro tipo de incômodo e não é possível removê-las em casa, o que reforça a necessidade de consultar um dentista.

Essa condição pode se tornar maligna, portanto, é importante consultar o dentista para verificar se não há a presença de outros problemas, além de poder iniciar o tratamento no caso de câncer.

Sintomas

Os sintomas dessa condição aparecem graças ao enrijecimento da camada superficial de queratina, o que causa o surgimento de manchas e/ou placas brancas que podem acabar deixando a gengiva branca.

Desse modo, os principais sintomas da leucoplasia são:

  • Manchas e/ou placas que não saem com a escovação;
  • Placas com textura irregular;
  • Placas e manchas duras e/ou grossas na boca;
  • Surgimento de placas e manchas que não doem nem causam incômodos.

No caso da leucoplasia pilosa podem aparecer pequenos pelos nas placas, em especial na lateral da língua.

Além disso, na leucoplasia também podem aparecer pequenos pontos vermelhos sobre as manchas e normalmente indicam a presença de câncer, mas é importante ser avaliada por um profissional para confirmar.

Causas

A leucoplasia não possui uma causa específica, porém existem alguns fatores que podem causar essa inflamação:

  • Alcoolismo;
  • Tabagismo;
  • Dentes fraturados em contato constante com a bochecha;
  • Dentaduras mal dimensionadas;
  • A leucoplasia pilosa é causada por um vírus chamado Epstein-Barr.

Tratamento

O tratamento dessa condição deve ser feito por um dentista a partir da avaliação das placas e manchas dessa condição.

Sendo assim, no caso da leucoplasia pilosa, que é causada por vírus, o tratamento pode ser feito a partir do uso de antivirais e em alguns casos pode ser indicado medicamentos para serem aplicados sobre as placas.

Quando há suspeita de câncer oral, o dentista pode recomendar a realização da quimio ou radioterapia como forma de tratamento.

gengiva branca candidíase

Candidíase

A candidíase na boca é uma complicação causada por uma infecção gerada pelo excesso do fungo Candida albicans e geralmente ocorre quando o paciente está com o sistema imune afetado.

Esse fungo normalmente se encontra na pele, porém ele pode proliferar e provocar o aparecimento de placas brancas no interior da boca, o que pode deixar a gengiva branca.

Sintomas

A candidíase oral geralmente causa o surgimento de sintomas como:

  • Presença de uma camada branca na boca;
  • Placas cremosas na boca;
  • Surgimento de aftas na língua e bochecha;
  • Sensação de algodão na boca;
  • Dor e ardência nas regiões afetadas;
  • Nos casos mais graves também pode haver inflamação no esôfago.

A candidíase oral afeta mais bebês e recebe o nome de sapinho devido ao fato de poder ser transmitida pelo beijo.

Causas

Esse fungo é encontrado naturalmente na região da pele e mucosas e não causam nenhum tipo de problema.

Porém, qualquer tipo de alteração na imunidade pode fazer com que o Candida albicans se desenvolva, o que acaba causando a candidíase.

Os fatores que aumentam o risco de desenvolver a candidíase oral são:

  • Doenças endócrinas;
  • Déficits nutricionais;
  • Doenças que afetam o sistema imunológico como a AIDS;
  • Doenças que afetam o sangue;
  • Xerostomia;
  • Consumo de muito carboidrato;
  • Certos tipos de medicamentos;
  • Uso de dentaduras durante a noite;
  • Tabagismo ou uso de drogas.

Além do mais, essa condição tende a afetar mais idosos, grávidas e crianças devido ao fato de possuírem o sistema imunológico mais fraco.

Tratamento

O tratamento da candidíase deve ser receitado por um profissional da área da saúde e geralmente é feito através da utilização de antifúngicos.

Durante o período do tratamento também é importante ter certos cuidados, como higienizar a boca da maneira correta e evitar consumir alimentos ricos em gorduras e/ou açúcares.

Em casos mais graves, o médico pode indicar o consumo de antifúngicos mais fortes, que devem ser tomados de acordo com a indicação do profissional, mesmo que já não existam mais sintomas.

Uma ótima maneira de se tratar essa condição com métodos caseiros é utilizar o chá de poejo, visto que ele reduz a proliferação fúngica e combate a infecção.

gengiva branca afta

Aftas

A afta na boca é uma pequena úlcera que surge na boca, normalmente devido a acidentes, porém é recomendado buscar atendimento caso ela não suma após decorrido algum tempo.

Essas pequenas úlceras podem aparecer nas mucosas da boca, ou seja, nas gengivas, bochechas e assoalho da boca.

Elas possuem um formato oval, normalmente apresentam a coloração branca, possuem o contorno avermelhado e podem chegar a ter até 1 cm de diâmetro.

Sintomas

Os sintomas relacionados a aftas são o surgimento de pequenas úlceras nas mucosas bucais o que pode acabar deixando as bochechas, língua e gengiva branca.

Essas aftas também são responsáveis por causar incômodos na hora de se alimentar e realizar a higienização bucal.

Esses incômodos normalmente são dor e ardência durante a alimentação, especialmente ao ingerir alimentos muito condimentados.

Causas

A afta não possui uma causa certa, porém existem alguns fatores que contribuem para o seu aparecimento.

Portanto, normalmente elas são causadas devido a:

  • Estresse;
  • Ansiedade;
  • Déficit vitamínico;
  • Doenças inflamatórios do  sistema digestivo;
  • Impactos;
  • Alergias.

Além disso, é importante mencionar que elas não são causadas pelo vírus da herpes.

Tratamento

Normalmente as aftas não precisam de tratamento específico e costumam sumir após alguns dias.

Porém, se ela estiver causando muito incômodo é possível fazer o uso de medicamentos contra afta.

Caso mesmo após o uso de medicamentos a afta não desaparecer, é recomendado procurar um profissional, pois pode ser uma complicação mais severa.

Visitas regulares ao dentista

As visitas regulares ao dentista são importantes para que o dentista possa avaliar e indicar o tratamento correto para a gengiva branca.

Por meio delas, o paciente também consegue relatar qualquer tipo de sintoma anormal que ele esteja sentindo, e assim o dentista consegue iniciar o processo de avaliação para identificar os problemas.

Ele também consegue garantir que o tratamento de problemas como o tártaro e a cárie, sejam tratados logo em seu início, evitando que se tornem complicações severas.

Além disso, por meio delas também é possível efetuar a profilaxia, que é limpeza profissional dos dentes e deve ser feita de 6 em 6 meses para a manutenção da higiene dos dentes.

Portanto, o plano odontológico DentalVidas tem diversas opções para garantir mais qualidade de vida e um sorriso mais bonito para você e sua família.

Gostou do texto? Tem alguma dúvida? Deixe aqui nos comentários!

FAÇA SUA AVALIAÇÃO GRATUITA

Gengiva branca: conheça as principais causas e como tratar publicado primeiro em http://dentalvidas.com.br/

Deixe um comentário