Raio X de dente: o que é, para que é utilizado e seus tipos

O raio X de dente é um exame feito para auxiliar o dentista no diagnóstico e no tratamento de algumas possíveis complicações bucais.

Ele também é muito utilizado na realização de cirurgias bucais, como por exemplo na extração do dente do siso.

Confira mais a respeito desse procedimento no post abaixo:

raio x do dente

O que é raio X do dente?

O raio X de dente, também chamado de radiografia odontológica, é um exame realizado com o objetivo de fornecer uma imagem que possibilite identificar problemas, como a cárie, e auxiliar em tratamentos odontológicos.

Desse modo, ele funciona por meio da emissão de raios ionizantes que reagem de maneiras diferentes em cada estrutura, de modo que algumas absorvam mais e outras menos radiação.

A partir disso, é possível formar uma imagem baseada nessa diferença de absorção, sendo que as estruturas que absorvem mais, como por exemplo os ossos, aparecem mais brancas e as estruturas que absorvem menos, como os músculos, são vistas mais escuras.

Sendo assim, os dentes e os ossos periodontais aparecem mais brancos enquanto a gengiva e os tecidos mais moles como formas mais escuras.

Isso também torna possível a identificação de complicações nos dentes que podem ser identificadas como anomalias na imagem de raio X de dente, seja por pontos mais brancos ou partes escuras nos locais onde deveria ser branco.

Além disso, para que seja possível observar os dentes de diferentes formas e ângulos, além de oferecer a possibilidade de uma imagem mais próxima ou mais distante.

Tipos de raio X de dente

Com o objetivo de fornecer aos dentistas maiores opções a respeito da distância e ângulo em que o dente é exibido na imagem da radiografia foram desenvolvidos diferentes tipos de raio X de dente.

Dessa maneira, cada um deles possui a função de exibir determinada parte do dente ou toda a arcada de modo que forneça mais alternativas ao dentista.

Sendo assim, cada tipo de radiografia possibilita que o profissional possa avaliar determinado tipo de complicação.

Confira os diferentes tipos de raio X de dente abaixo:

Raio X interproximal

Esse exame consiste em uma imagem radiológica que possui o objetivo de exibir a região que compreende as coroas dentárias.

Dessa maneira, ela é responsável por fornecer uma imagem que pode compreender até 3 coroas de dentes tanto inferiores quanto superiores, totalizando 6 dentes.

Ela permite que seja possível identificar qualquer tipo de complicação que possa atingir a região entre os dentes ou a coroa dentária, como por exemplo a cárie entre os dentes.

Raio X oclusal

O exame de raio X de dente oclusal é feito de modo diferente das demais radiografias odontológicas, pois ao contrário dos outros exames, ele é feito intraoralmente.

Dessa maneira, ele é responsável por exibir imagens da parte interna da oclusão, ou seja, da parte interna da boca.

Sendo assim, as imagens geradas por esse exame possuem a função de fornecer ao dentista a possibilidade de analisar a existência de raízes residuais, dentes a mais e inclusos e possíveis anomalias dentárias.

Raio X panorâmico

A radiografia panorâmica é feita de modo que a imagem gerada por ela seja feita de modo que ela compreenda toda a arcada dentária.

Isso faz com que ao analisar a imagem gerada por esse exame o dentista consiga ter uma visão ampla de todos os dentes podendo ser capaz de identificar algum tipo de anomalia.

Além disso, caso seja necessário, ele pode solicitar algum novo tipo de radiografia que seja mais focada, a fim de que ele consiga avaliar mais detalhadamente o determinado problema.

Raio X periapical

O raio X periapical é um tipo de radiografia que serve para exibir uma imagem detalhada de até 3 dentes.

Isso significa que esse é o raio X de dente responsável por fornecer uma imagem do dente que compreenda desde a raiz até a coroa.

Dessa maneira, o dentista é capaz de avaliar precisamente toda a estrutura dentária, de modo que, seja possível identificar qualquer tipo de complicação em sua estrutura.

raio x dente de leite

Raio X de dente de leite

O raio X de dente de leite é utilizado para identificar qualquer tipo de anomalia que afete tanto os dentes de leite quanto o nascimento dos dentes permanentes.

Desse modo, normalmente recorre-se a esse exame quando há algum atraso na troca ou percebe-se que os dentes decíduos estão sendo afetados por algum tipo de complicação.

Isso garante que o dentista possa avaliar e tratar qualquer tipo de problema que venha afetar a saúde bucal e também permite planejar os tratamentos odontológicos.

O que é possível identificar no raio X do dente?

O raio X de dente é um dos exames mais realizados no ramo da odontologia, pois ele é essencial para a realização de determinados procedimentos.

Desse modo, é possível entender que ele é um dos pilares da odontologia e garantem que exames e diagnósticos sejam realizados de maneiras mais precisas.

Sendo assim, por meio dele é possível identificar e realizar:

  • Procedimentos cirúrgicos;
  • Planejamento de tratamentos odontológicos;
  • Presença de lesões nas estruturas ósseas bucais;
  • Presença de dentes que ainda não nasceram;
  • Avaliar cistos, tumores e doenças odontológicas que são possíveis de identificar por meio deles.

Recomendações

Após o pedido do exame, o paciente deve seguir alguns tipos de recomendação, como:

  • Remover todo tipo de acessório, joia ou estrutura metálica antes da realização do exame;
  • Avisar o profissional sobre qualquer suspeita ou confirmação de gravidez;
  • Seguir qualquer tipo de recomendação adicional dada pelo profissional.

Qual o valor de um raio X de dente?

O valor do raio X de dente irá variar de acordo com a clínica escolhida, região onde será realizado, tipo de radiografia e do fato de o paciente possuir ou não um plano odontológico.

Dessa maneira, é recomendado que o paciente realize uma breve pesquisa de preços, a fim de que ele possa realizar o exame pagando o menor valor possível.

Também é recomendado que ele adquira um plano odontológico, visto que eles não ajudam a reduzir não só o valor do exame de raio X como também o valor de outros procedimentos que possam vir a ser necessários.

Visitas regulares ao dentista

As visitas regulares ao dentista garantem que ele possa avaliar a necessidade de se iniciar algum tipo de tratamento odontológico ou ortodôntico.

Sendo assim, ele pode requisitar a realização de um raio X de dente para que seja possível avaliar a necessidade de algum tipo de tratamento odontológico.

Desse modo, é possível descobrir a causa do problema e tratá-lo antes que se torne uma complicação mais difícil de se resolver.

Por meio delas, o paciente também consegue relatar qualquer tipo de sintoma anormal que ele esteja sentindo, e assim o dentista consegue iniciar o processo de avaliação para identificar os problemas.

Ele também consegue garantir que o tratamento de problemas como o tártaro e a cárie, sejam tratados logo em seu início, evitando que se tornem complicações severas.

Além disso, por meio delas também é possível efetuar a profilaxia, que é limpeza profissional dos dentes e deve ser feita de 6 em 6 meses para a manutenção da higiene dos dentes.

Portanto, o plano odontológico DentalVidas tem diversas opções para garantir mais qualidade de vida e um sorriso mais bonito para você e sua família.

Gostou do texto? Tem alguma dúvida? Deixe aqui nos comentários!

Raio X de dente: o que é, para que é utilizado e seus tipos publicado primeiro em http://dentalvidas.com.br/

Deixe um comentário